quarta-feira

Meu amor

Untitled | Flickr - Photo Sharing!

Permaneces do outro lado da margem,
por sentenças escritas em teu nome,
mas a normalidade dos dias
trazem-me sinais de ti.
Estranhas luminosidades,
bocados da letra de uma canção,
a melodia em lugares inesperados,
pequenos destinos cumpridos
ou a chuva que cai.
Somos metades
que não existem por si
e não se separa o que não existe.
Os dias passam
uns atrás dos outros
e o que levam não se vê.
Fica apenas a minha inscrição
no acto de coragem
de atravessar e desembarcar em ti,
meu amor.

1 comentário: