terça-feira

Memórias

Foto de Sophia Carolline | Flickr

Lembras as pedras erguidas,
e o cheiro do tempo em cada folha?
Lembras os passos que partilhámos juntos
no estreito caminho, por entre as ruínas?
Lembras as palavras que escondemos
e os sentimentos que assassinámos dentro do peito?
Hoje, sombras hão que não as nossas
mas continuo a ouvir-te gritar por mim
na leve brisa da madrugada,
e sou muda porque precisas,
e porque não mais encontro
vestígios de nós.

Sem comentários:

Enviar um comentário