quinta-feira

A medida



Existe a medida
do tempo que corre
e a do tempo que anda,
a do tempo que espanta
e a do que descobre.

Existe a medida
do tempo que procura,
a do tempo que vigia,
a do tempo que não resiste
e a do que desafia.

Existe a medida
do tempo que lança o veredito,
a do tempo que vence e reclama
e a do que dá o dito pelo não dito.

O meu ser sem nome
não tem tempo nem medida.
Apenas soa ao antigo
que permanece
estando ali como se não estivesse

1 comentário: